Fecha Os Olhos e Escreve #30

large

Esqueceram-me. Como uma criança  deixada pela mão no supermercado, porque a fila enorme no talho fez suas prioridades tomarem novas posições. Esqueceram-me. Como a rapariga que não fala naquele grupo de amigos, à qual não prestam atenção e fala ainda menos. Esqueceram-me. Como o idoso cuja família abandonou-o quando a doença tomou conta do seu corpo, e agora ele está sozinho no hospital. Esqueceram-me. Como o corpo deixado à deterioração debaixo da terra, sem flores ou campa que lhe valha, a importância em vida que deu aos que os rodeavam não ofereceu-lhe descanso eterno.

Esqueceram-me. E eu nunca fiquei solitário, neste mundo extrovertido, mas esqueceram-me. Porque eu não era quem queriam que eu fosse, porque eu era eu. Esqueceram-me. E sinto-me para sempre posto num canto da prateleira dos abandonos desumanos.

Esqueceram-me.

Que farei do meu  futuro, sem conforto exterior que me envolva?

signature

Anúncios

Deixa uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s