“Se Eu Ficar” Gayle Forman {Estante de Livros}

20151201_140847.jpgTítulo: Se eu Ficar
Autor: Gayle Forman
Editora: Editorial Presença
Género: Drama
Resumo: Naquela manhã de Fevereiro, quando Mia, uma adolescente de dezassete anos, acorda, as suas preocupações giram á volta de decisões normais para uma rapariga da sua idade: permanecer junto da família, do namorado e dos amigos ou deixar tudo e ir para Nova Iorque para se dedicar à sua verdadeira paixão, a música. É então que ela e a família resolvem ir dar uma passeio de carro depois do pequeno-almoço e, numa questão de segundos, um grave acidente rouba-lhe todas as escolhas. À medida que os paramédicos a transportam dos destroços quase irreconhecíveis do automóvel para o hospital e a tentam reanimar, Mia nada mais pode fazer senão observar toda a cena, de fora do seu corpo. Nas vinte e quatro horas que se seguem e que para ela talvez sejam as últimas, a jovem avalia o passado, pondera sobre o que é verdadeiramente importante e, confrontada com o que dá sentido à vida, tem de tomar a decisão mais difícil de todas.

 

A minha opinião: 4 Estrelas

Como já deu para reparar, pelo resumo, este livro retrata as vinte e quatro horas que seguem o acidente fatal para os três membros da família de Mia e que a deixou num coma, enquanto esta tenta decifrar se vale a pena ficar ou não, daí o título “Se eu ficar”. Mia vem de uma família de músicos, mas foge à regra por escolher música clássica e o seu amado violoncelo, à familiar música punk da qual cresceu rodeada, tal como o seu namorado, Adam, que também é músico, fazendo parte de uma banda de música punk.
A início da leitura temi ser um cliché, porém á medida que fui avançado fui ficando mais e mais apegada à história. Sim, Mia não é a personagem mais forte e determinada que existe, mas é isso que a torna especial e acho que pode ocorrer uma evolução ao decurso da sequela, sim, porque este é o primeiro livro que deu lugar a mais outro, “Espera Por Mim”.
Algo que captou a minha atenção bastante, foi o facto de fazer-me questionar vezes sem contas “que faria eu no lugar da Mia”, e as descrições de Gayle Forman são belas e realísticas, o que contrasta com certos momentos que não me apegaram tanto pelo exagero suave mas que fizeram-me pousar o livro por momentos. Disso, tenho algo quase-negativo a dizer, mas já que é um livro juvenil, é de esperar. Por isso não é tão negativo, mas mais uma pequena critica no meu ponto de vista, aliás.
Algo que gostei especialmente foi o facto de falar bastante de música, nomeadamente punk e clássica, e o contraste entre ambas. Mas o mais importante não é a música, mas o significado de ser punk, que como dão a entender não é só um género de música, mas uma mentalidade, e acho que isso foi o cativou-me mais na história toda (isso e o romance entre Adam e Mia, que é deveras belo).

Pontos finais: Irei tentar ler o “Espera Por Mim”, pois o final fez-me ficar sem respiração, mesmo que já o esperasse – não pelo fim em si, mas pela maneira como foi escrito!

Aqui fica o trailer do filme, o qual devo ver brevemente e comparar ambos. Se bem que, por mais que não ache este livro o melhor que li até agora, seguramente está no meu top.

  • Elizabete Reis
Anúncios

2 thoughts on ““Se Eu Ficar” Gayle Forman {Estante de Livros}

Deixa uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s